domingo, 7 de outubro de 2012

As Bizarrices da Eleição no Brasil





Votar no Brasil é uma piada!!

Muito a contragosto saio de casa para votar. Contragosto, porque o que tenho visto nas últimas décadas é uma grande palhaçada com o nome de “política”. Mas, lá fui eu com o título na mão, e o número de um candidato a vereador, que decidi na última hora.

Quando tudo parecia que se resolveria em minutos eis que a fila empaca... comecei a assistir então o que chamei de  “momento bizarro”.
Uma senhora havia já votado para vereador e confirmado, quando a mesária se deu conta que havia registrado o nome errado. É isto mesmo uma tal de Bárbara acabara de perder o seu direito de votar.

“Chama fulano pra mim”, pediu a mesária  e lá vem um homem mais pateta que o pateta, com cara de vendedor de livros, e pateticamente não ata nem desata a situação.

O que aconteceu foi o seguinte; uma das mesárias conferiu o nome, mas destacou o comprovante errado, que passou para outra junto com o título da senhora que iria votar, que também “conferiu” e passou para a ultima que libera a urna, e que só notou que a Barbara não estava quando a senhora já havia votado para vereador.

Para tudo! Fila, votação e o homem com cara de pateta não resolve nada. Começa uma sucessão de sugestões uma mais  bizarra que a outra.

Neste momento é claro as pessoas da fila já começavam a se interessar pela situação, quando entre sussurros, o homem pateta e a mesária envolvida  decidem o que fazer.
Enfim, não consegui ouvir a melhor parte.  Mas, pelo que entendi, a senhora que estava na urna e já havia votado para vereador, anulou para prefeito e saiu, para que a urna fosse liberada novamente.

Fiquei imaginando a Bárbara chegando na seção e descobrindo que já havia votado.  Imagina descobrir que a senhorinha votou para vereador num candidato que a Barbara detesta, ou ainda , imagina a Barbara ser parente de algum candidato que está desesperado e contando com o seu voto. Tragédia total!!

Moral da história: A urna pode ser eletrônica, mas  as  situações envolvendo a urna ainda são pré-históricas.
Enfim, voltei rindo muito pra casa, pois as eleições no Brasil não  passam de uma grande palhaçada!  

Ps. Isto tudo aconteceu na cidade de Santa Cruz do Rio Pardo (SP), na 41ª seção, por volta das 11.30 da manhã.

4 comentários:

  1. Well laughter is good for the soul.

    ResponderExcluir
  2. Pois é o que adianta a urna ser eletrônica se o pessoal que ta lá não tem qualificação nenhuma ,coisas deste nosso Brasil.Só rindo pra não chorar.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. oi De,

    temos mesmo que rir,
    os absurdos são tantos que é melhor não comentar...

    beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Tudo simplesmente maravilhoso.
    Beijos
    Gilda

    ResponderExcluir

É sempre muito bom receber sua visita!!